Funcionários reclamões: como lidar?

Por mais que achemos comum as pessoas não estarem contentes com seus trabalhos, muitas vezes isso é um sinal de que algo não está bem no ambiente da sua loja. E quando certas reclamações acontecem de maneira frequente, convém um olhar mais atento ao que realmente está acontecendo, assim podemos identificar o problema e resolvê-lo.

O mais importante de tudo é conferir se as reclamações procedem. É fácil conferir se existem rotinas, fatos e até mesmo regras dentro do seu comércio que justifiquem o que se fala e peçam correções. Caso perceba que as reclamações são reais, cabe a você encontrar as alternativas e implementá-las o quanto antes, de forma clara e direta. Se possível, faça uma reunião e explique as mudanças.

funcionario-01

 

Agora, se nada nunca está bom para certas pessoas, cabe avaliar se o real problema não vem da pessoa em si. Expectativas irreais que nunca podem ser supridas, perfeccionismo em relação a tudo e todos e até mesmo má índole são casos onde nada do que você faça vai resolver a situação. Existem aqueles que reclamam de algo com a intenção de consertar o que acreditam estar errado, mas também há aqueles que reclamam de tudo, o tempo todo.

A área de vendas depende de uma boa integração no time, com um ajudando o outro no dia a dia da loja e um funcionário que reclama o tempo todo pode afetar a todos, colocando pessoas para baixo e fazendo com que olhem somente para problemas (muitas vezes nem tão graves assim) e esqueçam de ver soluções. Isso causa mal estar e passa a afetar diretamente a saúde financeira de seu negócio.

funcionario-02

Chame o funcionário para uma conversa franca e ouça o que ele tem a dizer. Observe com o resto da equipe se o que ele disse é real ou não. Isso já costuma ser o suficiente para avaliar a validade do que foi dito e o caráter da pessoa. E se o problema realmente for a pessoa em si e não o trabalho, cabe ao bom administrador zelar pelo bem de seu negócio e dispensar o funcionário-problema.

funcionario-03

(Imagens: Reprodução)

 

Funcionários reclamões: como lidar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo